Venezuela abandona auditório da ONU durante discurso de presidente do Brasil

A Venezuela comandou uma desrespeitosa afronta ao Brasil.

Nesta terça-feira (20) no momento do discurso do presidente do Brasil Michel Temer, na ONU, a delegação venezuelana se retirou do auditório, provocando a estupefação de todos os presentes.

Trata-se de um fato inédito na entidade.

Em seguida, deixando ainda mais desagradável o recinto, as delegações do Equador, Costa Rica e Nicarágua também se retiraram.

Cuba e Bolívia não entraram no salão, protagonizando uma atitude de protesto mais respeitosa.

Aguarda-se um posicionamento do chanceler José Serra a respeito do lamentável ocorrido.

Temer, em seu discurso, reiterou o compromisso ‘inegociável” do Brasil com a democracia, citando, inclusive, o processo que resultou no impeachment de Dilma, feito, segundo ele, ‘dentro do mais absoluto respeito à ordem constitucional’.

Vale lembrar, por oportuno, que a Venezuela deve R$ 11,5 bilhões ao BNDES, a Nicarágua deve R$ 4 bilhões e o Equador, R$ 750 milhões.

da Redação

Veja o vídeo:

Comentários

Mais em Internacional

loading...