João Henrique de Miranda Sá

Jornalista, escritor e redator autônomo

Aspectos da Crítica - extremos de uma linha

Extremos de uma linha

Há quem considere que a crítica, ou mesmo ser criticado, seja algo ruim.

Às vezes, ser criticado é desagradável, porém toda crítica é boa.

A boa crítica sempre traz em si sugestão de melhora além da indicação de deficiências, exageros ou inadequações.

Ocorre que muitos de nós, mais ou menos, somos apegados ao fruto do próprio trabalho. Eu sou apegado e luto para anular isso.

Na extensão de uma linha só, residem, num extremo a boa crítica, noutro extremo o comentário maldoso.

A primeira serve de guia ao trabalho, ilumina aquele que produz. A segunda revela o caráter de seu emissor, por isso, justamente por isso, é igualmente 'boa".

O bom crítico sempre está em busca do potencial sob a deficiência ou fragilidade, já os outros apenas buscam falhas a salientar, pura e simplesmente fazer uma comparação com o "gabarito da perfeição' que julga conhecer.

Sempre trabalho ouvindo a opinião das pessoas. Não! Não é fácil.

Conviva com a crítica. Sorva a crítica, bocheche e deguste tal e qual quem prova um vinho, um néctar.

Mais que saber do seu próprio trabalho, vais conhecer a fundo as pessoas.

Bom fim de semana.

 

João Henrique de Miranda Sá é jornalista, redator e escritor; autor de "Memórias do Menino Que Pedalava"

João Henrique de Miranda Sá

Jornalista, escritor e redator autônomo

Mais de João Henrique de Miranda Sá

Comentários

Notícias relacionadas

loading...