Se Aécio tivesse vencido em 2014, Lula seria imbatível em 2018

A ânsia pelo poder cegou o Partido dos Trabalhadores, fazendo-o cometer um erro estratégico fundamental.

Não fosse este erro, certamente os petistas teriam todas as condições de continuar enganando a avassaladora maioria da população brasileira durante muito mais tempo, décadas talvez.

Bastava, para tanto, que tivesse perdido a eleição de 2014. Uma derrota meramente estratégica.

Aécio presidente, seria obrigado a adotar todas as medidas impopulares que Dilma foi obrigada a tomar e que demonstraram a nação que Dilma e o PT foram um grande engodo eleitoral.

Lula fatalmente voltaria como o ‘salvador da pátria’ em 2018, com uma insuportável popularidade.

É uma constatação que leva a uma reflexão de quão cheio de arapucas é o próprio sistema democrático.

Felizmente, por uma desmedida ganância, o PT caiu em sua própria arapuca.

Gonçalo Mendes Neto

[email protected]

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política

loading...