Juízes de outros processos contra Lula, unem-se a Sérgio Moro

A estratégia dos advogados de Lula está tomando um caminho inusitado, que eles não esperavam.

Adotaram um tom deselegante, rasteiro, provocador e aético contra Sérgio Moro, com o claro objetivo de tentar desestabilizá-lo, mas o juiz da ‘República de Curitiba’ não caiu na armadilha.

Em alguns momentos até exasperou, mas manteve a frieza na condução dos processos.

Um jogo de estratégia, onde Moro foi sistematicamente insultado pelos elementos defensores da Orcrim.

Os advogados de Lula pretendiam inclusive ser presos por desacato a autoridade, para transformar a eventual prisão numa bandeira de luta, numa prisão política e num dramático enredo pró a 'viva alma mais honesta do Brasil'

E todos esses fatos foram enormemente divulgados nas redes sociais. A sociedade é ciente.

Lula é um criminoso, não há dúvida.  De alta periculosidade.

E nesta segunda-feira (6) os advogados peticionaram ao juiz Ricardo Leite, da 10ª Vara Federal de Brasília, requerendo que Lula prestasse seu depoimento, marcado para o próximo dia 14 de março, por videoconferência.

O magistrado negou. O réu Luiz Inácio Lula da Silva terá que comparecer pessoalmente.

E o juiz vai inquirir fortemente o meliante, não tenham dúvidas.

Quanto aos trêfegos advogados, caso ousem adotar postura inconveniente, certamente correrão sério risco de saírem algemados.

É só aguardar. Lula vai tremer.

Amanda Acosta

[email protected]

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça

loading...