Esquerda mais consequente se rende ao juiz Sérgio Moro

Recentemente uma foto do juiz Sérgio Moro ao lado do senador Aécio Neves levantou a ira dos grupos mais radicais da esquerda, notadamente a insana militância do PT.

Note-se que a tal foto foi realizada num evento público, onde o magistrado receberia uma premiação. Nada às escondidas. Uma coisa normal, pois, queiram ou não os insanos, Aécio é senador, é autoridade e não é réu em nenhum processo que esteja sob a competência do juiz Sérgio Moro.

Pois bem, na última sexta-feira (10) o professor e historiador Leandro Karnal, tido como um referencial da esquerda e fonte inspiradora dos petistas, postou uma foto em seu Facebook ao lado do juiz Sérgio Moro, jantando em Curitiba (PR) e a frase: ‘Dia intenso em Curitiba. Encerro com um jantar com dois bons amigos: juiz Furlan e juiz Sérgio Moro. Talvez não faça sentido para alguns. O mundo não é linear. A noite e os vinhos foram ótimos. Amo ouvir gente inteligente. Discutimos possibilidade de projetos em comum’.

A postagem causou a ira da militância petista, inconformada com a amizade de Karnal com o juiz que está desmontando o esquema de corrupção do ‘Petrolão’, notoriamente comandado pelo PT e Lula.

Sérgio Moro, de sua parte, despropositadamente e desnecessariamente, vez que foi Karnal quem deu publicidade ao encontro, demonstrou sua isenção e apartidarismo. Moro conversa com todos, sem distinção, de Aécio a Karnal.

Karnal, por sua vez, tem as suas convicções que devem ser respeitadas, mas é consequente e respeita as pessoas do bem.

A militância petista, como não poderia deixar de ser, míope, cretina, deturpada e desolada, condenou Karnal, considerando-o um traidor.

É um povo realmente medíocre, acéfalo e sem noção de civilidade.

Amanda Acosta

[email protected]

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Variedades

loading...