Ciro, arregão, em nova entrevista recua e diz que não vai meter bala na PF (veja o vídeo)

Em entrevista ao jornalista lulopetista Paulo Henrique Amorim, o ex-ministro Ciro Gomes mudou o tom agressivo e recuou em seu infeliz comentário de que iria meter bala na Polícia Federal, caso esta fosse cumprir um mandado judicial para prendê-lo ou conduzi-lo coercitivamente.

Em sua nova versão, Ciro diz que a entrevista foi editada e que ele estava se referindo a um suposto direito à legítima defesa.

E, pateticamente, complementou ‘talvez não tenha dito com as palavras mais lordes, eu não sou lorde’.

Nem Paulo Henrique Amorim suportou a bizarrice e riu, de maneira contida, mas debochada.

Veja o vídeo.

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política

loading...