Redes Sociais:

Dilma está em Harvard para denunciar o golpe e ‘ensinar a estocar vento’, às expensas do erário



Não existe imposição legal no sentido de que uma ex-presidente cassada, envolvida em sérias denúncias de corrupção, prestes a ser denunciada pelo seu próprio marqueteiro e amigo íntimo, viaje pelo mundo às expensas do dinheiro público, bancada pelo povo brasileiro.

Isto sim é golpe! Mesquinho e imoral, patrocinado pelo governo de Michel Temer.

Inadmissível e inaceitável. Que país é este? Enquanto na Coréia do Sul, a presidente que sofreu impeachment está presa. No Brasil, Dilma, na mesma situação, passeia, fala bobagens, fala ‘francês’ e envergonha a nação.

Insossa, a ex-presidente ainda distribuiu nota para a imprensa:

‘Convidada por Harvard e pelo MIT, Dilma abordará em sua palestra a crise econômica e a democracia no Brasil, e os impactos das políticas que vem sendo implementadas após o Golpe de 2016, que a afastou do governo.

Dilma ainda manterá contatos com brasileiros que vivem nos Estados Unidos e atuam na denúncia ao golpe parlamentar’.

Dilma viaja de primeira classe e com quatro assessores, pagos pelos contribuintes.

Um absurdo!

Vanessa Mallmann

[email protected]