A derrocada da TV aberta

Não é difícil concluir o porquê de a TV aberta estar perdendo audiência em números expressivos para o entretenimento via streaming, como o Netflix.

A Rede Globo, por exemplo, fez ótimo investimento ao comprar os direitos de exibição da série ‘How to Get Away With Murder’ (cuja tradução para ‘Lições de um Crime’ é boa), estrelada pela monumental Viola Davis. A primeira temporada da série estréia na TV Globo nesta segunda, 17 de julho.

No entanto, a opção da emissora foi exibir os episódios de ‘Lições de um Crime’ na alta madrugada, logo após a chatérrima e engessada ‘Conversa com Bial. É absurdo! Pegar uma série icônica, de grande qualidade e sucesso planetário e jogar num horário quando a expressiva maioria dos telespectadores brasileiros já está no terceiro sono. Horário ‘Cine Privê é o fim!

Na contramão deste início de Século XXI, para os melhores horários da TV aberta a Rede Globo opta por gastar alguns milhões de reais e produzir séries bisonhas como ‘Mister Brau’ e remakes desnecessários (e até constrangedores) de ‘Escolinha do Professor Raimundo’ e agora ‘Os Trapalhões’.

Não espanta, portanto, que dezenas de milhões de brasileiros estejam decidindo pagar a bagatela de R$ 36,90/mês para ter acesso ao universo Netflix e outros, podendo assistir às melhores séries e aos filmes quando bem entender e, especialmente, em horário nobre.

Isso sem falar na disponibilidade de grandes produtos no mercado dos seriados, como ‘Suits’, ‘The Good Wife’, ‘House of Cards’, etc. Aliás, a popularização desses produtos coloca em xeque o atual baixo nível das produções brasileiras, com seus roteiros tétricos e a equivocada e anacrônica visão de que os brasileiros gostam de comédias-chulé, violência de comunidade e pronto-socorros imundos.

Ou alguém realmente acredita que ‘How to Get Away With Murder’ será um sucesso às duas manhã dos dias úteis e depois daqueles copinhos de botequim do Pedro Bial? Não, né?!

É aquilo que minha avó sempre dizia: ‘Quem morre por gosto, regalo da vida’.

Segue o enterro...

Helder Caldeira

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Artes, Humor e Entretenimento

loading...