Lava Jato entra de maneira escancarada no Judiciário e solução pode ser um ‘acordão’

A menção dos nomes de quatro ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) em gravações entre o empresário Joesley Batista e o executivo Ricardo Saud, pode ter como solução definitiva a salvação geral de toda a classe política, do Judiciário e de todos os demais envolvidos.

As provas apresentadas pela JBS seriam anuladas, os empresários presos e tudo ficaria bem para todo mundo, sem problemas, conforme outrora aconteceu na Operação Castelo de Areia.

Metido a espertalhão, Joesley mexeu em conteúdo proibido, exatamente como fez numa outra oportunidade o ex-senador Delcídio do Amaral.

O STF é indevassável.

Somente a sociedade organizada poderia mudar esse estado de coisas.

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça

loading...