Esta senhora perdeu a grande chance de entrar para a história...

Um voto confuso, um voto amedrontado, um voto covarde e contra ‘sua excelência o povo’.

Foi o que fez a ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha neste dia 11 de outubro no plenário do Supremo Tribunal Federal (STF).

Coube-lhe a grata oportunidade de dar o voto decisivo. Ela quedou-se diante de suas próprias convicções. Engasgou, teve vontade de votar a favor do povo, contra a classe política corrupta, faltou-lhe coragem.

A presidente do STF ficou com medo do enfrentamento institucional que teria pela frente, caso votasse favoravelmente ao afastamento de Aécio Neves do mandato senatorial.



Disposta a agradar a todos – não afastando o senador, mas mantendo algumas medidas cautelares – propiciou a mais completa desmoralização do Supremo Tribunal Federal.

O STF agora é um arremedo de tribunal, subserviente ao parlamento.

Uma lástima!

Amanda Acosta

Articulista e repórter
[email protected]

Mais de Amanda Acosta

Comentários

Notícias relacionadas

loading...