Dallagnol detona o STF

Em seu perfil no Facebook o procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força tarefa da Operação Lava Jato na República de Curitiba, resumiu o que aconteceu nesta quarta-feira (11) no plenário do Supremo Tribunal Federal como uma ‘farsa’.
“Não surpreende que anos depois da Lava Jato os parlamentares continuem praticando crimes: estão sob suprema proteção. Parlamentares têm foro privilegiado, imunidades contra prisão e agora uma nova proteção: um escudo contra decisões do STF, dado pelo próprio STF.
Fica o reconhecimento à minoria que vem adotando posturas consistentes e coerentes contra a corrupção, especialmente M. Fachin e Barroso.”
O que se pode esperar de um país onde sua mais alta corte de Justiça admite submeter suas decisões ao parlamento?

E mais: foi o próprio STF quem decidiu assim...

Uma lástima! Uma vergonha!
da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça

loading...