Câmara vence batalha contra juíza Carolina Lebbos

O ministro Edson Fachin acaba de impor uma derrota à juíza Carolina Lebbos, da Vara de Execução Penal da Justiça Federal do Paraná.

A decisão da magistrada de não permitir que uma comissão de deputados visitasse Lula, supostamente para checar às condições do local onde o petista está preso, acaba de ser revogada.

A tal comissão externa da Câmara poderá fazer a ‘checagem’ e trocar afagos com o ilustre presidiário.

Pelo visto, ainda vai demorar alguns meses para que essa turma entenda que Lula é um preso comum e está cumprindo a sua pena por ter roubado a nação.

Impõe-se para tanto que o meliante seja definitivamente encaminhado para um presidio de segurança máxima.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Direito e Justiça