Moro erra ao permitir que Delúbio vá para a Papuda

O juiz Sérgio Moro errou nesta quinta-feira (24) ao aceitar a cantilena da defesa de Delúbio Soares e autorizar que ele cumpra pena na Papuda, em Brasília.

Preso em São Paulo, o ex-tesoureiro petista alegou razões de ordem familiar e requereu o cumprimento da pena na Capital Federal.

O magistrado deferiu o pedido do meliante.

Involuntariamente, o juiz Sérgio Moro promoveu a junção dos dois maiores bandidos da Organização Criminosa capitaneada pelo PT, o próprio Delúbio e a ‘cabeça da serpente, José Dirceu.

Não é conveniente deixar os dois juntos.

É óbvio que Delúbio tem motivos para querer ficar próximo a Dirceu.

As intenções certamente são as piores possíveis.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça