Michel Temer, o defunto insepulto e Marun, flagrado novamente na mentira (Veja o Vídeo)

Caiu.

Um casamento onde o casal perde o respeito mútuo - ainda que vivam juntos - acabou.

Uma amizade onde termine a confiança recíproca, por mais longa que seja e ainda que os amigos se falem, chegou ao fim.

Uma empresa onde o conjunto dos passivos é muito maior que o volume dos ativos, passa a ter patrimônio líquido negativo: então, quebrou, está falida, mesmo que continue operando.

Um time de futebol que não vence, não se consagra campeão, será rebaixado, ainda que siga jogando e cumprindo a tabela.

Um ser humano que para de responder a estímulos neurológicos, ainda que respire, morreu.

Um governo que perde totalmente a credibilidade da nação, que não oferece mais nenhuma segurança nas suas medidas gerenciais, que perde apoio no parlamento (só conseguindo se mover na base da barganha), cujo líder não tem o respeito nem da copeira que serve o cafezinho, que não consegue respeito político interno nem externo, perdeu completamente a possibilidade de governar.

O nosso presidente se agarra ao poder em nome de quais interesse, se ele já sabe que não tem futuro nenhum?

Que não governa e não irá governar mais?

Se sabe que é um defunto insepulto?

Quem o apoia na situação em que está, só pode estar sem noção da realidade ou agindo de má-fé em defesa de algum interesse.

Desconfio completamente de todos quantos deram e deem sustentação ao governo Temer. Sob qualquer argumento, desconfio.

Não dá para segurar quem está caindo e perdeu completamente o pino de centro do equilíbrio.

- É, mas as eleições serão em 5 meses, argumentam alguns... E daí? Vamos conviver com esse caos até lá? Ou acreditamos nas nossas instituições ou não acreditamos. Se acreditamos, o cenário só tende a ficar melhor. Usemos a criatividade para arrumar a casa. Se não acreditamos - daí mesmo é que temos que fazer uma limpa e botar a canalhada para correr.

Não há mais como não ver, sentir ou concluir: o governo Temer acabou! Temer caiu! Perdeu! Tudo o mais é uma distanasia política de um grupo que representa tudo o que a nação não quer, não precisa e não suporta mais.

Para que prorrogar essa tragédia?

Se tivessem grandeza, renunciariam.

Não o fazem por apego insano ao butim ou por defesa de interesses inconfessáveis.

Se não saem por lucidez, espontaneamente, que sejam retirados na marra!

Fora Temer! Fora, já!

Abaixo, a entrevista de Marun para a Rede Globo, na noite deste sábado (26). Pergunto: mas ministro e Rede Globo? Não tinha um acordo que encerrou o movimento? Quem mentiu para quem? E querem que eu acredite em vocês? Fora Temer! Fora Marun! Enrolador! Chinelão!

Luiz Carlos Nemetz

Advogado.Vice-presidente e Chefe da Unidade de Representação em Santa Catarina na empresa Câmara Brasil-Rússia de Comércio, Indústria e Turismo e Sócio na empresa Nemetz & Kuhnen Advocacia

Mais de Luiz Carlos Nemetz

Comentários