Vídeo com Alckmin apresentando suposto membro do PCC viraliza na rede (Veja o Vídeo)

Um político tem responsabilidade sobre as pessoas que ele apresenta para a sociedade?

Claro que sim. Por isso deve ter cuidado de investigar quem ele recomenda como candidato para a população.

Talvez por absoluta irresponsabilidade de velhos figurões, que a nossa classe política esteja tão fétida.

O caso envolvendo Alckmin e Ney Santos, investigado por suposto envolvimento com o tráfico de drogas e com a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), aconteceu em 2010, mas com a proximidade do pleito eleitoral está agora circulando na rede.

Alckmin, que não anda nada bem nas pesquisas, tem mais este fato a depor contra a sua pretensão presidencial.

Observe-se que quando o ex-governador avalizou a candidatura de Ney Santos, ele já havia sido preso em 2003, sob a acusação de roubo e cumprido pena de três anos, até 2006.

Veja o vídeo:

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política