Zanin e Sepúlveda entram em confronto direto

Sepúlveda Pertence, certamente percebendo a dificuldade de conseguir a liberdade para o ex-presidente Lula, requereu nesta quinta-feira (21) em petição apresentada ao Supremo Tribunal Federal (STF), a prisão domiciliar para o petista, como alternativa para o caso dos ministros da 2ª turma não entenderem pela suspensão dos efeitos do acórdão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4).

O pedido alternativo foi oficializado nos memoriais apresentados pelo causídico.

Paralelamente, no final da noite, o outro defensor de Lula, o abobalhado Cristiano Zanin, logo após ter tomado conhecimento da iniciativa de Sepúlveda, em nota divulgada disse que a defesa do ex-presidente não tem interesse na prisão domiciliar.

O texto diz o seguinte:


“O ex-presidente Lula está pedindo nos recursos dirigidos aos tribunais superiores o restabelecimento de sua liberdade plena, porque ele jamais praticou qualquer ato ilícito.
A condenação imposta ao ex-presidente pelo juiz Sergio Moro e pelo TRF-4 afronta a Constituição Federal e a lei. A defesa de Lula não apresentou ao STF ou a qualquer outro tribunal pedido de prisão domiciliar.”
Tais fatos permitem as seguintes conclusões:

1. Sepúlveda e Cristiano não se falam.

2. Sepúlveda não dá a mínima para Cristiano.

3. Cristiano não respeita ninguém, nem mesmo Sepúlveda. É um sujeito abjeto, sem ética e estúpido.

4. Sepúlveda realmente advoga, Cristiano alimenta a sua vaidade.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça