O gesto de satisfação do meliante ao deixar a prisão

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu novamente conceder liberdade ao petista José Dirceu.

Votaram favoravelmente a Dirceu os ministros Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski. O ministro Edson Fachin foi o único voto contrário.

O petista tem condenação de mais de 30 anos para cumprir, fatalmente será condenado em inúmeros outros processos, mas, mesmo assim, o trio de ministros resolveu soltá-lo com base no medíocre e rasteiro entendimento de que há a probabilidade de que os recursos do petista sejam julgados favoráveis pelos tribunais superiores, como o STJ e o próprio STF.

Um absurdo, que visa claramente obter a impunidade para todos os bandidos envolvidos em casos de corrupção.

Assim, o gesto da foto, feito por esse infame Zé, quando foi solto em 2017 por esses mesmos ministros, deverá se repetir dentro de instantes.

Zé arruma a mala na Papuda rumo a impunidade.

É lamentável.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política