Toffoli responde pela presidência do STF a partir desta segunda (23). E agora?

Com a viagem programada de Michel Temer para o México, a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) ministra Cármen Lúcia assume a Presidência da República. Consequentemente, Dias Toffoli substitui Cármen Lúcia na presidência da mais alta Corte do país.

Petistas sonhavam com este momento. A chance perfeita para o ‘Golpe do Plantonista’.

Felizmente para o país, os três patetas queimaram etapa, tentaram dar uma de ‘herói’, anteciparam a tramoia e inviabilizaram uma nova tentativa.

O ministro já deixou bem claro que caso algum HC seja proposto em favor de Lula, não concederá liminar, em hipótese alguma.

A rigor, Toffoli cumpriu o seu papel de fidelidade a sua origem, soltando o meliante José Dirceu.

Aliás, há quem diga que Toffoli não é petista. É ‘Dirceusista”.

da Redação

Comentários

Mais em Direito e Justiça