Dr. Bumbum atendeu no Palácio Planalto durante a era PT

O médico Denis César Barros Furtado, o “Doutor Bumbum”, trabalhou no Palácio do Planalto no ano de 2008, na gestão do ex-presidente Lula.

O médico e a mãe dele, Maria de Fátima Furtado, estão presos em razão da morte da bancária Lilian Calixto, após um procedimento estético para preenchimento dos glúteos ocorrido dentro de uma cobertura na Barra da Tijuca.

Tudo indica que este é apenas um dos crimes cometidos pelo médico e sua mãe, no exercício da medicina.

Essa passagem do Dr. Bumbum pelo Planalto, na época mencionada, parece ser elucidativa com relação ao rumo que o médico deu a sua vida.

Ele acabou deixando o Distrito Federal com o registro cassado e indo viver no Rio de Janeiro, onde prosseguiu em sua escalada perigosa e temerária.

Deu no que deu...

da Redação

Comentários

Mais em Polícia