Polícia Federal devasta equipe de Geraldo Alckmin

Mais um membro da equipe do ex-governador Geraldo Alckmin está encrencado com a Polícia Federal.

Desta feita é Roberto Giannetti da Fonseca, alvo da operação Zelotes, nesta quinta-feira (26).

Contra ele, a suspeita de ter recebido pagamentos de 2,2 milhões de reais para favorecer a empresa Paranapanema, que conseguiu se livrar de débitos de cerca de 900 milhões de reais no Carf em 2014.

A mesma operação, também tem como alvo Daniel Godinho, ex-secretário de Comércio Exterior no governo Dilma.

Tudo junto e misturado.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça