Da falsa vida nas redes sociais até o homicídio da advogada Tatiana Spitzner

Fora da tela do computador, Luis Felipe era um sujeito agressivo e Tatiane uma mulher sofrida e amedrontada.

Tudo indica que a bela advogada Tatiana Spitzner vivia uma vida extremamente turbulenta com o marido, o biólogo Luis Felipe Manvailler.

Entretanto, nas redes sociais o casal aparentava uma vida plena de felicidade.

Bonitos, sorridentes e carismáticos, os perfis de Tatiana e Luis Felipe esbanjavam uma convivência conjugal repleta de pleno amor.

Tudo mera aparência, sem nexo e sem sentido.

Fora da tela do computador, Luis Felipe era um sujeito agressivo e Tatiane uma mulher sofrida, amedrontada e com o desejo de dar um fim na relação.

Em mensagens trocadas com uma amiga, a situação vivida pela advogada fica claramente explicitada.

“Grosseiro, estúpido, falou que tem ódio mortal de mim, que não sabe quando essa raiva vai passar, que não quer nem falar comigo. Só quer paz e que eu não encha o saco. Só tem um detalhe… eu nem vejo ele, sequer conversamos, eu trabalho manhã e tarde, e ele à noite”.

O desfecho do caso, com o cometimento do crime, demonstra o valor que as pessoas dão para a aparência, uma atroz realidade no mundo atual.

“Mais vale o que as pessoas pensam sobre mim, do que como eu realmente me sinto...”
É lamentável!

da Redação

Comentários

Mais em Polícia