Suspensão do pedido de soltura de Lula pela defesa é clara demonstração de incompetência

A defesa de Lula há muito que está completamente perdida.

Na realidade, os advogados do petista representam o espelho da advocacia criminal brasileira. Totalmente incompetente para formular teses e defendê-las com coerência e sabedoria.

As teses de defesa de Lula mudam de acordo com os acontecimentos.

Na realidade, os criminalistas brasileiros de um modo geral, sempre atuaram com ‘aparente’ competência porque os processos de seus clientes nunca chegavam a um deslinde.

Bastou aparecer um juiz sério, competente e corajoso para que ficasse plenamente demonstrado o quanto os advogados criminalistas brasileiros são fracos, incompetentes e aéticos.

Os defensores de Lula chagaram ao ponto de brigar entre eles, cada um defendendo um ponto de vista, ambos esdrúxulos.

Seguindo nessa esteira de absurdos, a própria defesa de Lula desistiu nesta segunda-feira (5) de um recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) com o qual tentava suspender a pena de prisão do ex-presidente.

Prefere aguardar até que a condenação seja analisada pelas instâncias superiores. Temem que a questão da inelegibilidade seja logo definida, impedindo assim o prosseguimento da farsa da candidatura de um presidiário.

Nesse caso, que fique preso o meliante. É este o entendimento de Zanin e Sepúlveda.

São medíocres.

Amanda Acosta

Articulista e repórter
amanda@jornaldacidadeonline.com.br

Siga-nos no Twitter!

Mais de Amanda Acosta

Comentários

Notícias relacionadas