CPI do BNDES convoca 'sobrinho' de Lula, mas libera donos da Friboi

O empresário Taiguara Rodrigues do Santos, filho de um irmão da primeira mulher do ex-presidente Lula, teve sua convocação aprovada pela CPI que apura as operações do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no exterior. 

Taiguara é figura conhecida entre empresários brasileiros que fazem negócios com Cuba, países da África e da Europa. De pequeno empresário, transformou-se em dono de construtora Exergia Brasil, que trabalhava em parceria com a Odebrecht em obras da empreiteira no exterior, financiadas com dinheiro do BNDES.

A convocação de Taiguara gerou revolta entre petistas e aliados. Taiguara ganhou contratos de obras após o ex-presidente Lula ter viajado, com dinheiro da Odebrecht, para negociar transações para a empreiteira.

O requerimento para a convocação de Taiguara foi feito pelos deputados Arnaldo Jordy (PPS-PA) e João Gualberto (PSDB-BA). Os deputados também pediram a convocação dos empresários Eike Batista, do grupo EBX, Dalton Avancini, da Camargo Correa, Fersen Lambranho e Wilson Zanatta, da LBR, e Joesley e Wesley Batista, da JBS. Os únicos poupados pela CPI foram os irmãos Batista, da JBS (Friboi).

A liberação dos irmãos Batista provocou tumulto entre os deputados da oposição.

"É vergonhoso para a CPI não convocar os donos da Friboi. Depois (os integrantes da CPI) ficam irritados com a suspeição por conta do financiamento de campanha. Que isenção terá quem foi financiado pela Friboi? É preferível encerrar a CPI se empresários já investigados em várias instâncias não forem convocados", disse Jordy. Dos 27 deputados membros da comissão, 20 receberam doação da JBS na última eleição. 

Os deputados que votaram contra a convocação dos acionistas da JBS foram: Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), André Moura (PSC-SE), Carlos Zarattini (PT-SP), Covatti Filho (PP-RS), Davidson Magalhães (PCdoB-BA), Del. Edson Moreira (PTN-MG), Diego Andrade (PSD-MG), Edio Lopes (PMDB-RR), Fabio Reis (PMDB-SE), Marcelo Squassoni (PRB-SP), Paulo Magalhães (PSD-BA), Daniel Vilela (PMDB-GO), Mauro Pereira (PMDB-RS), Paulão (PT-AL) e Reginaldo Lopes (PT-MG).

                  https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online.

da Redação

Comentários