Pesquisa científica identifica a real rejeição dos candidatos a presidente

A pesquisa divulgada nesta quarta-feira (12) pela Revista Crusoé é realmente cientifica e apresenta a realidade do momento eleitoral.

A amostragem confirma a liderança isolada do candidato Jair Bolsonaro e demonstra que a sua rejeição é menor que a da maioria dos demais concorrentes.

O campeão nesse quesito é o ex-ministro Henrique Meirelles, com 63,9%. Na sequência, o petista Fernando Haddad, 62,6%. Depois vem, Geraldo Alckmin, com 60,3%; João Amoêdo, com 59,9%; Marina Silva, com 54,8%; Jair Bolsonaro, com 53,2%; Ciro Gomes, com 52%; e Alvaro Dias, com 45,2%.

A pesquisa aponta que Jair Bolsonaro tem vaga praticamente assegurada num eventual 2º turno.

A grande disputa é pela segunda colocação. Com chances aparecem Ciro Gomes, com 11,9%; Marina Silva, com 10,6%; Geraldo Alckmin, com 8,7%; e Fernando Haddad, com 8,3%.

A pesquisa foi feita entre os dias 7 e 11 de setembro - depois, portanto, da tentativa de homicídio sofrida por Bolsonaro em Juiz de Fora na última quinta-feira. Foram entrevistados 2.010 eleitores em 167 municípios de todos os estados do país.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política