Solto, Dirceu ataca Bolsonaro e Mourão e prega combate à “corrupção” (Veja o Vídeo)

Acredite se quiser, Dirceu quer combater a "corrupção"

Um criminoso, corrupto, condenado há mais de 30 anos de prisão, por ora solto graças a uma absurda decisão de um ex-subordinado, não poderia, nem deveria estar por ai atacando de maneira sórdida um candidato a presidente e o seu vice. Um deputado e um general.

É uma incomensurável inversão de valores.

Nesta sexta-feira (21), em entrevista a uma rádio da Paraíba, esse Zé disse o seguinte:

“Temo o autoritarismo e o conservadorismo e a regressão cultural. Lembro o Jânio Quadros que proibiu mini-saia e briga de galo. Falava contra a corrupção e era um dos maiores corruptos (…). Bolsonaro é uma ameaça à democracia. Porque ele diz que já tem fraude na eleição que não pode tomar posse se ele perder.”
Quem é esse homem para falar de corrupção?

Um dos maiores corruptos da história do país, ladrão contumaz, condenado no mensalão, indultado e novamente condenado no Petrolão.

Dirceu ainda atacou o general Mourão, utilizando uma ‘Fake News’ produzida pela mídia petista:

“O vice dele disse que o problema do Brasil são as mães e as avós que criam os filhos. Você quer barbaridade maior do que essa?”
Veja o vídeo:


‘Barbaridade’ é esse criminoso estar solto.

Amanda Acosta

Articulista e repórter
amanda@jornaldacidadeonline.com.br

Siga-nos no Twitter!

Mais de Amanda Acosta

Comentários

Notícias relacionadas