Lula é Haddad e Haddad é Lula: a Diabólica Dualidade

No catecismo cristão aprendemos que existe um só Deus indivisível, mas constituído de três pessoas: Pai, Filho e Espírito Santo. Esta unidade na trindade recebe o nome adequado de: Mistério da Santíssima Trindade.

No catecismo lulopetista se ensina que existe um só deus da seita, Lula, também indivisível, mas constituído de duas pessoas: Lula (ele próprio) e Haddad. São dois deuses em um só, indivisível: Lula. Esta unidade na dualidade, pregada no catecismo lulopetista, é chamada Mistério da Diabólica Dualidade.

Portanto, de acordo com o catecismo lulopetista, quem vota em Haddad vota em Lula, já que ambos são entidades inseparáveis: ambos formam a Diabólica Dualidade da seita lulopetista.

Por consequência quem vota em Haddad coonesta a corrupção avassaladora do ‘Princeps Corruptorum’, o deus criador da seita lulopetista (Haddad é o deus criatura). Corrupção avassaladora sintetizada, em parte, no quadro resumo exposto abaixo:

Resumindo: se você aprecia, ou simplesmente tolera corruptos, corruptores e corrupção; ama a ditadura de Chaves e Maduro; acha que o futuro está no Foro de São Paulo, criado por Lula, Chaves, Fidel e Bachelet e odeia o Estado Democrático de Direito, vote em Haddad que você estará (orgulhe-se!) votando, ipso facto, no maior corrupto da História da Civilização Ocidental: ‘Luiz Ignoráceo Lula da Çilva’.

Mas, se você, como eu, odeia - com o ódio do Padre Antônio Vieira, que ensinou que não é pecado odiar o mal - a corrupção, os corruptos e os corruptores; se você ama e preserva a liberdade, os valores democráticos da moralidade e da família, centrados no Estado Democrático de Direito, então NEGUE seu voto a Haddad (que é Lula). Mesmo que você preferisse votar em outro candidato honrado (por exemplo, Amoedo, ou Álvaro Dias), note que votar neles, na atual conjuntura, é fortalecer Lula (que é Haddad).

Não há saída: se você quer limpar o País, defender a democracia, erradicar a corrupção, os corruptos e a incompetência parasitária que aparelha o Brasil, sua decisão só pode ser uma:

VOTAR EM BOLSONARO.

(Texto de José J. de Espíndola. Engenheiro Mecânico pela UFRGS -- Mestre em Ciências em Engenharia pela PUC-Rio -- Doutor (Ph.D.) pelo Institute of Sound and Vibration Research (ISVR) da Universidade de Southampton, Inglaterra -- Doutor Honoris Causa da UFPR -- Membro Emérito do Comitê de Dinâmica da ABCM -- Detentor do Prêmio Engenharia Mecânica Brasileira da ABCM -- Detentor da Medalha de Reconhecimento da UFSC por Ação Pioneira na Construção da Pós-graduação -- Detentor da Medalha João David Ferreira Lima, concedida pela Câmara Municipal de Florianópolis -- Criador da área de Vibrações e Acústica do Programa de Pós-Graduação em engenharia Mecânica -- Idealizador e criador do LVA, Laboratório de Vibrações e Acústica da UFSC -- Professor Titular da UFSC, Departamento de Engenharia Mecânica, aposentado.)

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Política