Jornalista da Folha insiste mas Moro desconstrói narrativa de perseguição às minorias (veja o vídeo)

Em coletiva de imprensa realizada ontem, o juiz Sérgio Moro deu mais um exemplo de sua aparentemente infindável paciência. A narrativa de campanha do PT contra Bolsonaro continua firme e forte entre os "jornalistas" engajados. Nem a derrota na eleição foi suficiente para que a turma trocasse o disco.

A repórter da Folha de São Paulo preferiu - ao invés de perguntar algo relativo à sua futura atuação como Ministro da Justiça -, tentar "enquadrar" o juiz que, anteriormente, havia afirmado que Bolsonaro parece ser uma pessoa sensata. Insistindo em todos os rótulos e jargões atrelados pela campanha do PT ao presidente eleito, a repórter queria que Moro conciliasse a afirmação com eles.

Moro retrucou afirmando que muito do que foi dito, muitas vezes, foi tirado de contexto e que não existe qualquer movimentação ou intenção do futuro governo no sentido de reduzir direitos ou perseguir minorias.

Veja o vídeo:

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política