STF deve determinar a oitiva de Lula e PF prepara a pressão

No pedido feito pela Polícia Federal, o delegado Josélio Souza elencou inúmeros motivos que apontariam para a necessidade da oitiva do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. 

De fato, o nome do ex-presidente foi exaustivamente mencionado por pelo menos três delatores, o doleiro Alberto Youssef, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa e o ex-gerente de Engenharia da estatal Pedro Barusco. Além disso, inúmeros fatos e evidências, segundo a PF, conduzem as investigações ao encontro de Lula. 

Pois bem, tal pedido, nas mãos do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, em razão da considerável importância, foi endossado e reforçado na cota do MP. 

Agora, a decisão cabe ao ministro Teori Zavascki, relator do caso no STF. 

Fonte na PF confirma que é cabal a demonstração de que Lula pode ter sido beneficiado pelo esquema de captação de recursos ilícitos na Petrobras. 

O delegado, precavido, diz ainda: "atenta ao aspecto político dos acontecimentos, a presente investigação não pode se furtar de trazer à luz da apuração dos fatos a pessoa do então presidente da Republica Luiz Inácio Lula da Silva, que, na condição de mandatário máximo do país, pode ter sido beneficiado pelo esquema em curso na Petrobras, obtendo vantagens para si, para seu partido, o PT, ou mesmo para seu governo, com a manutenção de uma base de apoio partidário sustentada à custa de negócios ilícitos na referida estatal". 

A PF lembra ainda que nove ministros e ex-ministros de Estado são citados ou investigados como beneficiários diretos do esquema de corrupção e que diretores foram nomeados para a Petrobrás em troca de apoio político. 

Por outro lado, o ex-presidente é alvo de investigação do Ministério Público para apurar a relação dele com a construtora Odebrecht, fato utilizado para reforçar a argumentação constante no pedido. 

A rigor, a PF acredita piamente no envolvimento de Lula e já tem pronto um forte esquema para inquiri-lo e pressioná-lo.

Vamos aguardar...

                                              https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline
Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online. 

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política