Malabarista

“Os grandes propósitos da vida estão normalmente camuflados nos pequenos detalhes”. (Cora Coralina)
Em uma SIPAT – Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho, da Coca Cola, o gerente, Bryan Dyson contou aos funcionários da empresa esta linda historinha.
“Meus queridos amigos! Imaginem-se como um malabarista jogando para o ar cinco bolas de vidro que são: o trabalho que é mais importante que ociosidade. A família mais importante que vaidades. A saúde mais importante que excesso gastronômico. Os amigos que são mais importantes que isolar-se. E a Vida Espiritual que é mais importante que todas as coisas.
Logo vocês percebem que: trabalho, família, saúde, amigos, vida espiritual são frágeis bolas de vidro. Se você deixar cair vão se quebrar! Então qual deve ser a preocupação? Trabalhar com dedicação para alcançar sempre os melhores resultados. Agora nas demais horas é bom reservar o tempo necessário para a família, os amigos, para você e acima de tudo não se esqueçam da sua vida espiritual. Deus dá sabedoria, conhecimento e prazer ao homem que o agrada. Agrade-o, pois!” (Aplausos)

Esclarecendo, malabarista é aquele profissional que desenvolve habilidades para fazer o melhor em sua vida, com arte, mesmo que as circunstâncias sejam desafiadoras. Então vamos interpretar melhor o que o gerente quis dizer enfatizando o que é mais relevante nas áreas. 
No trabalho:
-Não falta, não chega atrasado, não brinca em serviço.
-Presta atenção às ordens que lhe são dadas.
-Quando necessário diz: “Por favor”; “Com licença”; “Muito Obrigado”; “Desculpe minha falha”; “O erro foi meu”; “Isto não vai mais acontecer”.
-Tem humildade e tolerância para aceitar as diferenças individuais.
-Todos os meses guarda um pouco de dinheiro.
Na saúde:
- O homem não é destruído pelo que falta, mas pelo que sobra.
- Fica atento ao bom estado físico, mental, social.
-Não exagera no uso do sal e do açúcar.
-Não rejeita alimentos da natureza.
-Permanece bem longe de cigarro, álcool, drogas.
Na família:
- Sabe que bons exemplos começam em casa, maus exemplos também.
-Tem consciência que a família é um caminho necessário e difícil.
-Os pais exercem autoridade sobre os filhos. Os filhos obedecem aos pais.
-No convívio familiar existem: normas, regras, limites, disciplina.
-Sabe que em família a aprendizagem não cessa como núcleo formador do caráter.
-Compreende que não pode ter sempre razão. Nos embates não há perdedores: uns ganham, outros aprendem.
-Com os amigos:
- É alguém que está sempre descobrindo novas amizades.
-Demonstra parceria quando alguém está com dificuldade.
-Cuida atentamente da higiene e da apresentação pessoal.
- Sabe que todos merecem uma segunda chance!
No Espiritual:
-Quem tem o endereço de Deus não precisa mascarar a verdade com calmantes e antidepressivos.
-Ora com fé, vive com entusiasmo e tem verdadeiros focos na vida.
-No inicio do dia agradece a Deus pelo trabalho, família, saúde, amizades, dinheiro.
-Tem certeza que os sonhos de Deus são maiores que os seus.
-Lê, entende e pratica as instruções do Manual do Fabricante. Sua relação com Deus é umbilical, isso o faz viver com inefável felicidade.
Reflexão – O homem que tem como propósito viver bem mesmo “sem os modismos dos tempos modernos”, pensa um pouco antes de fazer as coisas e sabe questionar os desregramentos de filmes e programas de TV que enfraquecem os valores dos corretos propósitos da vida.
O homem com sabedoria tem que esforçar-se para ser exímio malabarista em tudo o que faz. Não sendo assim o seu espetáculo pode não receber aplausos e ainda correr o risco de ficar no quase...
O ser humano precisa parar com essa mesquinhez hedonista de só pensar em sua vida, e nos seus prazeres. Torna-se muito importante: quando sozinho vigiar seus pensamentos; quando em família vigiar seu temperamento; quando em sociedade vigiar suas atitudes...
Em outras palavras, ainda que cada cara represente uma mentira, o bom cidadão faz com que a sua represente uma verdade. Outra coisa duvido que Deus tenha feito os homens para viver sem trabalho e família! O restante é só fazer o dever de casa e vai ser fácil ter fé na sua alegria ou talvez em sua tristeza!
Professor Antônio Valdo

                                                            https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online. 

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Cultura