Prazos são fixados e Lula pode ter sua segunda condenação na véspera de Natal

Seria um grande presente para as pessoas de bem e que lutam pelo fim da corrupção a condenação do corrupto e lavador de dinheiro Luiz Inácio Lula da Silva bem na véspera de Natal.

É até possível matematicamente...

Com a negativa de novas diligências requeridas pelo abobalhado Cristiano Zanin, os prazos para alegações finais foram fixados pela juíza Gabriela Hardt.

O MPF terá nove dias para suas alegações, a partir do dia 30. A Petrobras terá dois dias, a partir do dia 11 de dezembro e as defesas terão outros dez dias, contando do dia 13, segundo informa o site O Antagonista.

Portanto, matematicamente a partir do dia 23 de dezembro, a sentença do sítio já poderá ser prolatada.

Porém, diante do aperto nos prazos, o mais provável é que fique para o início do próximo ano.

De qualquer forma, um feliz natal e um promissor 2019 para o Brasil.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça