COAF, o órgão aparelhado que só enxerga o que interessa

Sabe o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF), aquele órgão que não viu a movimentação de mais de R$ 1 trilhão roubados dos cofres públicos na Era PT, e agora virou o principal centro de informações da imprensa num "escândalo" de R$ 24 mil envolvendo um ex-funcionário de Flávio Bolsonaro, filho do Presidente eleito Jair Messias Bolsonaro?

Pois é... dizem por aí que o COAF também não viu o tal do João de Deus sacar mais de R$ 30 milhões de suas contas bancárias nos últimos dias.

Será que o COAF enxerga por amostragem, tipo Ibope e Datafolha?

P.S.: Só "gente boa" os gerentes dessas contas bancárias do John of (Big) God, né não?!

Pelo menos agora sabemos que o COAF quando quer funciona... Seja por R$ 1 trilhão... Seja por R$ 24 mil.

Antes tarde do que nunca!

Helder Caldeira

Escritor, Colunista Político, Palestrante e Conferencista
*Autor dos livros “Águas Turvas” e “A 1ª Presidenta”, entre outras obras.

Mais de Helder Caldeira

Comentários

Leia mais...

Mais em Política