Porque Cunha não segue o exemplo de Romário, vai até a Suíça e acaba com a dúvida?

Quando a revista 'Veja' publicou extratos de uma possível conta do Senador Romário, na Suíça, o ex-jogador não teve dúvidas, foi a Genebra na Suiça pessoalmente conferir.
Em seu Facebook, Romário declarou:
Chateado!
Acabei de descobrir aqui em Genebra, na Suíça, que não sou dono dos R$ 7,5 milhões.
Aguardem mais informações…
Agora, aqueles que devem, podem começar a contar as moedinhas, porque a conta vai chegar de todas as formas.
Eu não finjo ser decente, não faço de conta ser sério e pareço ser correto. Eu sou!!!

A indagação que cabe é a seguinte: porque o deputado Eduardo Cunha, que negou na CPI da Petrobras ter dinheiro na Suíça,  não toma a mesma iniciativa e atitude de Romário, pega um avião e vai lá conferir e, enfim, acaba de vez com esta dúvida sobre a existência ou não de conta em seu nome no paraíso fiscal.
A resposta é simples: porque Cunha tem dinheiro na Suíça.
Aliás, todos os dados da investigação realizada pelo Ministério Público da Suíça, sobre Eduardo Cunha (PMDB-RJ), por suspeita de lavagem de dinheiro e corrupção passiva, já estão no Brasil.
E se Cunha realmente tem dinheiro na Suíça, é óbvio que a grana é produto de propina.
O pior é que Cunha é o presidente de nossa Câmara dos Deputados, o terceiro na ordem de sucessão presidencial.



                           https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline
Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online. 

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política