A má fé dos jornalistas na posse do presidente

Os jornalistas estão reclamando que, ao longo do tapete vermelho na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, havia cordões de isolamento, não permitindo a eles pular em cima do Presidente Jair Messias Bolsonaro como fizeram na Posse de outros Presidentes (quase derrubaram Dilma em 2010, se vocês se lembram).

Daí, a turminha de jornalistas-viúvas da esquerda brasileira está dizendo que "isso já é um sinal de autoritarismo do novo governo".

Minha gente, só para recordar, Sua Excelência ainda está usando uma bolsa de colostomia e jamais poderia ser submetido ao "espreme-espreme" que os jornalistas gostam de fazer com as autoridades.

Não é uma questão de rechaço. É apenas uma precaução médica.

Já a má-fé dessa turminha... bem, essa é psicopatologia pura!

Helder Caldeira

Escritor, Colunista Político, Palestrante e Conferencista
*Autor dos livros “Águas Turvas” e “A 1ª Presidenta”, entre outras obras.

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários