Eduardo Suplicy pode ter sido uma das últimas ligações de Battisti, diz jornalista

O terrorista Cesare Battisti, que recebeu durante anos auxílio do Partido dos Trabalhadores no Brasil e extraditado recentemente, graças a intervenção do atual governo, pode ter contado com a ajuda de políticos petistas na Bolívia, destacando-se o vereador Eduardo Suplicy, conforme afirma o jornalista Marco Antonio Villa, da Jovem Pan, em referência ao que foi publicado por jornais bolivianos.

Villa aponta:

"Ainda continua em aberto: quem foram os amigos do terrorista Battisti, no Brasil, que estão ocultos até hoje?".

Veja o comentário na íntegra:

da Redação

Comentários

Leia mais...

Mais em Política