Juíza nega “saidinha” de Lula, defesa recorre e aguarda nova decisão ainda hoje

O despacho da juíza Carolina Lebbos sobre o pedido que envolve a saída temporária do ex-presidente Lula para acompanhar o velório e o enterro de seu irmão Vavá, saiu durante a madrugada desta quarta-feira (30).

A magistrada demonstrou disposição de autorizar a saída, tanto é que pediu que a Polícia Federal se posicionasse sobre as condições de segurança para que houvesse os deslocamentos e o acompanhamento dos atos fúnebres do irmão do condenado.

A PF foi taxativa e considerou que havia riscos para uma eventual saída temporária de Lula. Nesse sentido foi o despacho da juíza:

"Este Juízo não é insensível à natureza do pedido formulado pela defesa. Todavia, ponderando-se os interesses envolvidos no quadro apresentado, a par da concreta impossibilidade logística de proceder-se ao deslocamento, impõe-se a preservação da segurança", pontuou Carolina Lebbos.

A defesa de Lula já apresentou recurso ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) e aguarda nova decisão ainda na manhã de hoje.

da Redação

Comentários

Leia mais...

Mais em Direito e Justiça