Deputado do PSOL que “desejou” a morte de Bolsonaro, se esconde covardemente (Veja o Vídeo)

Arregão, fujão e covarde, parece que são características intrínsecas aos parlamentares do PSOL.

Nesta sexta-feira (8), o repórter Diego Amorim do site O Antagonista ligou para o deputado Edmilson Rodrigues, que em entrevista à TV Câmara exprimiu o seu demoníaco desejo pela morte do presidente Jair Bolsonaro.

“Eu acho que o governo deveria definir sua estratégia, mas não se entende. O Presidente está para morrer, mas a sua assessoria mais direta praticamente o obrigou a reassumir o cargo porque ele não tem confiança no vice.”

Ao ser questionado sobre o assunto, se estava arrependido do que disse, o parlamentar do PSOL desligou o telefone e o manteve desligado, conforme narrado pelo site:

Há pouco, Diego Amorim, de O Antagonista, ligou para o deputado, que começou reclamando da qualidade da ligação.
“Tá meio baixo.”
O repórter fala mais alto e pergunta se o deputado o escuta:
“Sim, pode falar.”
Questionado se se arrepende de ter dito que Bolsonaro “está para morrer”, Rodrigues fica em silêncio.
“Alô?”
O repórter insiste na pergunta.
“Não tô entendendo, porque eu tô na rua. Alô?”
A ligação, então, cai. O repórter tenta contato novamente, mas, depois de algumas chamadas, é direcionado para a caixa-postal do deputado.

Ouça o áudio:

Mais tarde, o deputado retornou a ligação e disse que deseja longa vida ao presidente Jair Bolsonaro.

Arregão e hipócrita.

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Leia mais...

Mais em Política