Gilmar ironiza Receita e, em "ato falho", dá “Graças a Deus” por “freio” na investigação (Veja o Vídeo)

O ministro ao que tudo indica tem os pés de barro, o telhado de vidro.

É possível que tenha neste primeiro momento escapado das garras da Receita Federal, mas, acusou o golpe.

Esperneou, quase entrou em prantos.

Gilmar sempre acreditou piamente que realmente é um ser ‘supremo’, ‘intocável’ e, assim, não se deu conta de que um novo país aflora, não percebeu que uma nova mentalidade paira sobre a sociedade.

Assim vemos uma figura extraordinária como o Procurador Deltan Dallangnol, enfrentando Gilmar com frequência, sem medo, com a consciência de que outros outrora intocáveis já foram pegos no contrapé.

E Gilmar, numa entrevista para a BandNews, deixou escapar um “Graças a Deus” aliviado, ao comentar o “freio” nas investigações da Receita.

O cerco um dia se fecha.

Veja o vídeo:

Amanda Acosta

Articulista e repórter
amanda@jornaldacidadeonline.com.br

Comentários