Militantes petistas confabulam possível sequestro de Lula no velório do neto

Com a notícia da morte de Arthur Araújo Lula da Silva, 7 anos, neto do ex-presidente Lula, a defesa do petista pediu à juíza Carolina Lebbos para que ele possa deixar a prisão em Curitiba e ir ao velório em São Bernardo do Campo, SP.

O que a Polícia Federal, no entanto, não esperava era um possível plano de fuga do presidiário, causando estado de alerta.

Segundo o site O Antagonista, o plano de fuga teria origem em uma das correntes do Partidos dos Trabalhadores e Lula não estaria sabendo. Ou seja, seria um sequestro.

Será que os petistas se inspiraram naquela ideia sugerida por Ciro Gomes?

Mais uma vez, os militantes insanos, usam de um velório para gerar confusão e desrespeitar o momento de luto.

da Redação

Comentários

Leia mais...