Encenação de Zé de Abreu é a continuação da patifaria iniciada por Jean Wyllys

"Eles" não tem um ditador, então irão inventar o que puder para provar que estavam certos em ter medo de Jair Bolsonaro.

Esse artista vai provocar o presidente para ser preso e poder usar isso para espalhar a mentira da ditadura brasileira. Assim como o político que fugiu do país mentindo que estava sendo ameaçado por ser gay e por ser oposição.

E depois reclamam que Bolsonaro prejudicou a imagem do Brasil para o mundo expondo a baixaria no carnaval?

Hipocrisia hein... Há anos o país é ridicularizado por tudo o que eles defendem.

Sabem qual o suprassumo da satisfação da esquerda? É que Bolsonaro fosse Maduro.

Porque é tão fácil atacar Maduro, difícil é encontrar motivos de defendê-lo, como o PT faz...

"Eles" fingem que convencem, o povo finge que acredita e a vida vai passando. Dois meses de governo, reformas importantes engatilhadas, mudanças nos diretores das escolas, rigorosidade com os reitores de universidades, investigação aberta no Ministério da Educação.

Dólar estável, gasolina baixou, Petrobrás dando lucro, líderes de facções presos sem regalias e visitas, a Força Nacional acalmou as represálias dos bandidos inconformados com as transferências dos chefes, sem matar ninguém.

Nenhum negro voltou pra senzala. Nenhum gay voltou pro armário. Nenhuma mulher voltou pra cozinha.

Raquel Brugnera

Pós Graduando em Comunicação Eleitoral, Estratégia e Marketing Político - Universidade Estácio de Sá - RJ.

Comentários