TCE

Deputado adverte ministros do STF: “Haverá reação”

A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de passar a competência de julgar crimes de corrupção quando relacionados a caixa dois para a Justiça Eleitoral é um verdadeiro retrocesso, na opinião do deputado federal mais bem votado em toda a história do Rio Grande do Sul, Marcel van Hatten.

Em texto publicado nas redes sociais, corajosamente ele manda um recado para os ministros do STF:

“Estão brincando com o povo brasileiro. Isso não será tolerado”.

Veja abaixo a íntegra do texto:

“O julgamento de hoje no STF, passando a competência de julgar crimes de corrupção quando relacionados a caixa dois ao TSE é um retrocesso tremendo.
E não é só um retrocesso para a Lava Jato ou para o combate à corrupção: é para o Estado de Direito.
As ditas "justiças especializadas" estão sendo usadas como subterfúgio para dificultar a realização da Justiça no Brasil - assim mesmo, com J maiúsculo e sem adjetivos.
A judicialização da política e a intromissão de parte relevante do Supremo nas atribuições de legisladores é outra anomalia que fere de morte a democracia representativa.
O que está acontecendo no Brasil é muito sério.
E a nossa reação no Congresso, daqueles que querem um Brasil melhor e com menos corrupção, será mais séria ainda.
Estão brincando com o povo brasileiro. Isso não será tolerado.”
da Redação

Comentários

Leia mais...

Mais em Política