Quem indicou cada ministro ao STF?

O Brasil trava toda vez que um dos poderes interfere na engrenagem.

Não que haja necessidade de termos um único pensamento, muito pelo contrário, isso seria um passo do totalitarismo e nenhum governo deve ter esse poder de uniformizar todas as mentes, sou uma eterna defensora da oposição porque a considero necessária para manter a democracia; porém, quando o judiciário desfaz tudo aquilo que o legislativo e o executivo fizeram, é um desserviço ao povo e um atendimento personalizado a um e outro que esperam ser libertos de algum processo.

Podemos até não eleger certas pessoas que comandam nosso país, mas votamos em quem nomeia essas pessoas. Se hoje temos um STF que desagrada gregos e troianos, é porque os presidentes que elegemos até hoje os colocaram lá e nos deixaram essa herança!

Vejam quem indicou quem e entendam o porquê de certas decisões:

✔ Celso de Mello, entrou em 1985 indicado pelo José Sarney.

✔ Marco Aurélio Mello, entrou em 1990 indicado por Fernando Collor.

✔ Gilmar Mendes, entrou em 1992 indicado por Fernando Henrique Cardoso.

✔ Ricardo Lewandowski, entrou em 2006 indicado por Lula.

✔ Carmem Lúcia, entrou em 2006 indicada por Lula.

✔ Dias Toffoli, entrou em 2009 indicado por Lula.

✔ Luiz Fux, entrou em 2011 indicado por Dilma.

✔ Rosa Weber, entrou em 2011 indicada por Dilma.

✔ Luiz Roberto Barroso, entrou em 2013 indicado por Dilma.

✔ Luiz Edson Fachin, entrou em 2015 indicado por Dilma.

✔ Alexandre de Moraes, entrou em 2017 indicado por Michel Temer.

Raquel Brugnera

Pós Graduando em Comunicação Eleitoral, Estratégia e Marketing Político - Universidade Estácio de Sá - RJ.

Comentários