Lula e Luleco e o caminho sem volta no mundo da corrupção e da propina

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o seu filho Luis Cláudio Lula da Silva - Lula e Luleco - acabam de ser indiciados pela Polícia Federal em mais uma prática criminosa.

As acusações são praticamente as mesmas de outros casos envolvendo o ex-presidente. Lavagem de dinheiro e tráfico de influência.

Provas irrefutáveis foram entregues por Alexandrino Alencar em sua delação premiada.

O ex-executivo da Odebrecht, tido como o mais próximo do ex-presidente, forneceu os recibos do campeonato de Futebol Americano promovido por Luleco com o claro objetivo de lavar dinheiro. Os serviços foram contratados de maneira absurdamente superfaturada, cerca de 600% acima do valor do mercado.

Envolvido em outros crimes, uma das maiores brigas dos advogados é no sentido de impedir que Lulelo preste depoimento.

Até hoje o jovem criminoso não foi ouvido em juízo nenhuma vez. Sempre conseguem postergar a sua oitiva com enfadonhos pretextos protelatórios.

Na ação judicial no âmbito da Operação Zelotes o depoimento de Luleco já foi adiado quatro vezes.

De qualquer forma, o cerco está fechando para o rapaz e o Lula está preso...

Otto Dantas

Articulista e Repórter
otto@jornaldacidadeonline.com.br

Comentários