STF apura “vazamentos”, mas contraditoriamente promove “vazamentos” ...

O Supremo Tribunal Federal (STF), em suas investidas contra os aventados vazamentos da Receita Federal - notadamente no caso do ministro Gilmar Mendes e da advogada Roberta Rangel, esposa do ministro Dias Toffoli – vazou a identidade dos seus dois primeiros alvos para o jornal Folha de S.Paulo, diz o site O Antagonista.

Da mesma forma, na malfadada investigação sobre Fake News contra o STF, inquérito que corre em absoluto sigilo, o Uol/Folha estampa a seguinte manchete nesta quinta-feira (21):

“Investigação de Fake News contra STF identifica suspeitos e prepara buscas.”

Fica subentendido que houve vazamento, para a mesma Folha.

Muito estranho. Justamente a Folha, autora do mais escandaloso Fake News do último pleito eleitoral.

São por essas e outras que o STF está perdendo toda a confiança e o respeito da sociedade.

Ou será que se trata de um novo Fake News da Folha?

Cabe ao ministro Alexandre de Moraes mandar investigar.

da Redação

Comentários