A reencarnação de Eduardo Cunha...

Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, parece ter aprendido menos com seu pai, Cesar Maia, e mais com seu sogro postiço Moreira Franco, um dos mais recentes enquadrados pela Operação Lava Jato.

Neste momento, o jovem Maia exibe-se como um retumbante exemplar da Velha Política. Para alcançar objetivos umbilicais, é capaz de minar a necessária Reforma da Previdência e o Projeto de Combate ao Crime Organizado elaborado por Sérgio Moro, titular do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Fica evidente que Rodrigo Maia está trabalhando contra o Brasil e contra a gestão do presidente Jair Messias Bolsonaro. Pior: o faz sob afagos dos líderes governistas Joice Hasselmann (PSL/SP) e Delegado Waldir (PSL/GO).

O Democratas também está metido nessa lambança!

No dia quando Maia decidiu abrir fogo na imprensa contra o ministro Moro, sua correligionária Deputada Tereza Cristina, atual titular do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento concedeu uma entrevista à GloboNews colocando em dúvida as ações do presidente Jair Bolsonaro em visita oficial aos Estados Unidos.

Se é para ser assim, para trabalhar contra os projetos que a maioria do Povo Brasileiro decidiu abraçar nas Eleições 2018, que vá Rodrigo Maia e o DEM para a oposição. Parem com esses joguinhos às sombras para sabotar o Governo Bolsonaro.

Pelo menos assim, sabemos quem é o inimigo.

Rodrigo Maia é o novo Eduardo Cunha. Agora está articulando a tropa do centrão para derrubar, já na próxima semana, o Decreto do presidente Jair Messias Bolsonaro que dispensou o visto para cidadãos dos EUA, Canadá, Austrália e Japão.

Quer mandar recado, como fazem os covardes empoderados.

Helder Caldeira

Escritor, Colunista Político, Palestrante e Conferencista
*Autor dos livros “Águas Turvas” e “A 1ª Presidenta”, entre outras obras.

Comentários