TCE

2ª Turma do STF, implacável, solta o amigo de Dilma...

Gilmar Mendes, Celso de Mello e Ricardo Lewandowski votaram pela soltura de Aldemir Bendine, contra Carmen Lúcia e Edson Facchin. 3 a 2.

O ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras deve deixar o xilindró nas próximas horas.

O amigo e 'homem de confiança' de Dilma já tem uma condenação em 1ª instância por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, em caso envolvendo a Construtora Odebrecht.

Gilmar Mendes, mesmo com todas as manifestações populares por seu impeachment, prossegue na sua extrema benevolência com criminosos do ‘colarinho branco’.

É lamentável!

da Redação

Comentários