TCE

Autor de antologia sobre Regime Militar desmonta Toffoli: “Nunca se defendeu a censura com tamanha insistência e indigência”

Elio Gaspari, autor de uma antologia sobre o Regime Militar teceu ásperas palavras sobre a censura imposta pelo ministro do STF, Antonio Dias Toffoli. Segundo o “perito”, nem mesmo quando o STF sacramentava a censura dos generais durante o Regime Militar a censura foi defendida com tanta insistência e diligência.

Gaspari, em artigo para sua coluna na Folha de S. Paulo intitulada “O Pacificador pôs fogo no STF”, afirma que:

“[Toffoli] conflagrou o tribunal, confrontou-se com a Procuradoria-Geral da República e se tornou um defensor da censura com argumentos conceitualmente desastrosos e factualmente inconsistentes.

Como diria Lula, nunca na história deste país um ministro do Supremo Tribunal Federal defendeu a censura com tamanha insistência e indigência. Nem quando o STF sacramentava a censura dos generais, pois os ministros pouco falavam.”

Gaspari é autor de 5 obras sobre o Regime Militar brasileiro, A Ditadura Envergonhada, A Ditadura Escancarada, A Ditadura Derrotada, A Ditadura Encurralada, A Ditadura Acabada.

Há portanto, poucas pessoas mais capacitadas a escancarar a dimensão do absurdo praticado por Dias Toffoli.

da Redação

Comentários