Prefeito de São Bernardo põe fim ao “Museu do Lula”

O ex-prefeito de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho (PT) teve a “brilhante” ideia de construir um gigantesco prédio em homenagem ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o Museu do Lula.

No espaço ficariam expostos fotos, documentos e pertences do líder petista.

Todo o recurso para a execução da obra foi financiado pelo Ministério da Cultura, na gestão de Dilma Rousseff.

Com todo o repasse devidamente efetuado, a obra não foi concluída e a Justiça detectou um superfaturamento de R$ 7,9 milhões.

Ou seja, até na construção do museu do meliante preso por corrupção, os petistas deram um jeito de levantar alguns milhões com propina.

O prefeito eleito em 2016, Orlando Morandi (PSDB), herdou esse problema para resolver.

Após três anos de absoluto abandono da obra, que virou símbolo de corrupção na terra de Lula, Morandi resolveu concluir, pondo fim ao museu em homenagem a um presidiário e optando por transformar o local em um Centro Cultural.

O governador João Dória vai garantir os recursos que faltam para a conclusão da obra.

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários