Esquerda prefere ver o Brasil quebrar do que ter Bolsonaro reeleito

A previdência precisa de reformas e até a esquerda concorda.

Paulinho da Força (ex PT, PDT e agora Solidariedade) declara:

"Uma economia de R$ 800 bilhões, como Bolsonaro falou, garante de cara a reeleição do presidente, é preciso desidratar a economia com a reforma para algo em torno de R$ 500 bilhões. Com esse discurso, tenho certeza que a gente traz todo mundo do centrão, porque ninguém quer a reeleição do Bolsonaro".

O que tiramos dessa frase?

Bolsonaro tem razão, nossa economia vai bombar! A previdência realmente precisa de reformas e até a esquerda concorda que é preciso reformar, Lula e Dilma já haviam falado e tentado, mas com medo do desgaste com o povo preferiram empurrar o problema com a barriga, já tinham muitos problemas com a corrupção que vinha sendo desmascarada, eles não podiam correr o risco de perder ainda mais o apoio popular, colocar corruptos no poder tem seu preço...

Se até a esquerda concorda com a reforma, significa que, mesmo que eles atrapalhem o projeto de Bolsonaro e que ele não se reeleja e a própria esquerda volte ao poder, adivinha só o que eles irão fazer?

REFORMAR A PREVIDÊNCIA!!!

E o pior: irão reformar nos mesmos termos da proposta de hoje e irão usar essa desculpa, anota ai:

"Em 2019 éramos contra os termos porque prejudicaria o trabalhador, mas como o Bolsonaro foi incompetente em não reformar, a dívida aumentou e por culpa DELE, teremos que tomar medidas mais drásticas, aprovando a reforma previdenciária com ainda mais cortes, culpa do BOLSONARO!" - (2022, Alguém do PT).

Raquel Brugnera

Pós Graduando em Comunicação Eleitoral, Estratégia e Marketing Político - Universidade Estácio de Sá - RJ.

Comentários