Oposição lidera disputa na Argentina

O candidato oposicionista Maurício Macri lidera as pesquisas de intenção de votos nas eleições presidenciais da Argentina.

A eleição ocorre em duas semanas, quando enfrentará o candidato governista, Daniel Scioli.

A candidatura de oposição, tem 46,3% dos votos, contra 40,2% do candidato governista, segundo pesquisa da consultoria Management & Fit Opinión,publicada no jornal Clarín.

No primeiro turno, realizado em 25 de outubro, Scioli obteve a maioria dos votos, mas com vantagem de apenas 2,5 pontos porcentuais sobre Macri, resultado muito mais apertado do que o esperado.

Na sexta-feira (6), a presidente argentina, Cristina Kirchner, subiu o tom nas críticas ao candidato da oposição.

Ela comparou um eventual governo de Macri com o da aliança de Fernando de la Rúa, que chegou ao poder em 1999 e renunciou em 2001, ficando com a responsabilidade de ter levado o país à maior crise econômica e política de sua história.

A coligação liderada por Macri tem integrantes da União Cívica Radical, partido de De la Rúa, o que é explorado pelos peronistas neste momento de acirramento da campanha.

Cristina também fez referência à origem abastada de Macri e de seus aliados em seu discurso.

Em uma atitude inusual, exibiu um vídeo em que mostra o assessor econômico de Macri, Alfonso Prat-Gay, dizendo que a Argentina, a cada dez anos, é governada por um "caudilho que vem do Sul ou do Norte, de currículo desconhecido", originário de províncias despovoadas.

                                  https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online. 

da Redação

Comentários

Leia mais...

Mais em Internacional