Ciro chama apoiadores de Lula de loucos em debate com Maria de Rosário (veja o vídeo)

O que acontece quando colocam Ciro Gomes (PDT) e Maria do Rosário (PT) na mesma sala? Um verdadeiro espetáculo de horror.

As duas figuras foram convidadas para um debate sobre Segurança Pública no I Congresso Nacional dos Policiais Antifascismo, realizado na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), nesta segunda-feira (27).

O primeiro encontro público de representantes de esquerda após as eleições do ano passado foi marcado por intrigas iniciadas pelos debatedores da mesa, que contava, também, com a presença do deputado federal Marcelo Freixo (PSOL).

Durante o início de sua fala, o pedetista já havia avisado que estaria ali para realizar provocações. Ciro declarou que o PT não havia feito nada pela segurança pública no país:

“Vocês sabem o que mudou na Segurança Pública do país entre 2002 e 2016? Nada! E se mudou, foi para pior”, disse.

As críticas a Lula continuavam por parte de Ciro. Já Maria do Rosário, histérica, insistia em defender o petista. Em determinado ponto, Ciro bravejou:

"Não vou mudar meu discurso porque quem não vê a realidade é louco" - disse Ciro em referência indireta à Maria do Rosário e demais apoiadores de Lula que insistem em defender que Lula é inocente.

De olho em sua possível campanha eleitoral de 2022, Ciro pode estar usando a estratégia de criticar os petistas tendo em vista a conquista da simpatia do público.

Veja o vídeo de um dos momentos de confusão:

da Redação

Comentários